O Museu Zadkine

Situado em pleno coração de Paris, próximo do do jardim do Luxemburgo e do Hotel Aiglon, o museu Zadkine encontra-se aninhado em plena natureza, em frente da Universidade Panthéon-Assas.

X
Book your stay
1 Adulto
0-11 anos
0-3 anos
Sem custos para as crianças de menos de 12 anos de idade
Entre em contato com a nossa recepção
para maiores informações
Custo das ligações locais
musée Zadkine

Inaugurado em 1982 e dedicado à memória de Ossip Zadkine, o museu Zadkine abriga a casa e os ateliês do artista de origem russa, personalidade importante da Escola de Paris.

 

Um ateliê-museu bucólico

 

Situado não muito longe do Hotel Aiglon, o museu Zadkine é um dos raros ateliês de escultores parisienses a ter sido preservado. Lugar de vida e de criação, este ateliê-museu seduz os visitantes graças à sua atmosfera íntima e bucólica, em pleno coração de Paris. Ossip Zadkine (1890-1967) habitou e trabalhou nesta casa e nos seus ateliês de 1928 a 1967. Ao falecer, ele confiou a propriedade à sua esposa, Valentine Prax, pintora francesa, quem decidira doar à cidade de Paris as obras e bens do seu esposo, bem como suas próprias obras. O museu Zadkine abriu suas portas em 1982 e fora reformado em 2012. Fruto do desejo de fazer deste ateliê-museu um ninho de paz e um lugar de memória e homenagem, uma nova cenografia fora realizada com o intuito de valorizar e destacar ainda mais a obra de Zadkine de um modo mais natural.

 

A obra de Zadkine

 

O Hotel Aiglon convida-o a descobrir o museu Zadkine e o seu jardim verdejante. Sóbrio e simples, este ateliê-museu aposta em paredes brancas para realçar o contraste com a pedra, a madeira, a terra e o bronze, materiais expostos e trabalhados por Zadkine. O percurso da visita é feito de modo cronológico, permitindo ao visitante acompanhar toda a evolução da obra de Ossip Zadkine. As 70 esculturas deste museu demonstram toda a liberdade de espírito do artista, que adorava representar figuras e silhuetas desproporcionais, inspirando-se no primitivismo, na arte africana, egípcia, ou ainda, no cubismo.

 

A visita é finalizada no jardim, repleto de calma e serenidade, onde o visitante pode contemplar as esculturas de bronze que jorram pelos bosques. Este lugar, praticamente confidencial, continua a perpetuar a vida e o brilho das obras de Zadkine ao ritmo das estações.

 

Os favoritos da equipe

Hélène Darroze – La Salle à manger
"Decoração contemporânea, sensual e com uma luz suave: o ambiente ideal para saborear deliciosas especialidades gastronômicas que se situam entre a tradição e a modernidade, acompanhadas por deliciosos vinhos do sudoeste."
4, rue d’Assas – 75006 Paris
Tel : 01 42 22 00 11
Visite o website
Jean-Paul Hévin
"Chocolataria renomada pelos seus ganaches delicados e seus marrons glacés. Você vai querer provar de tudo antes mesmo de entrar na loja!"
3, rue Vavin – 75014 PARIS
Tél: 01 43 54 09 85
Visite o website